Categorias: Experiências, Jóias raras, Textos e Poesias

Mãozinhas Em Ação !

Pegar objetos com as mãos

Tão necessário para a independência… De tão simples, chega a ser automático… Ora bolas, ninguém nem para para pensar nisso.

Tão fácil, né ?

Mas não é nada fácil para a Lulubinha e outras crianças com sua condição.

Muitas devem se lembrar quando o bebê falou “mamãe” pela primeira vez, quando deu o primeiro sorriso, o primeiro passo.

Acredito que poucas se lembram quando o filho pegou com as mãos o primeiro objeto.

Pois eu lembrarei para sempre.

E terei um enorme sorriso estampado no rosto todas as vezes que lembrar desse momento.

E também nunca esquecerei de todas as vezes que ela agarra meu nariz com força. Que chega a doer.

De tanto amor e alegria.

Nota: Texto originalmente postado no meu instagram @sonhodiferente em 13 de março de 2018.

 

Deixe seu comentário